Seja bem vindo

Se você já possui cadastro na nossa loja, informe abaixo seus dados de login para entrar

Cód. Produto: 978-65-5831-161-4

Criação em processo

50 35
  • 1x de R$ 35.00 sem juros
  • 2x de R$ 18.42 com juros
  • 3x de R$ 12.49 com juros
  • 4x de R$ 9.53 com juros
  • 5x de R$ 7.75 com juros

Calcule o frete e o prazo

loader
Tipo de entrega Entrega* Valor

* O prazo de entrega inicia-se no 1º dia útil após a confirmação do pagamento. Informações referentes apenas para 01 unidade deste item.

(Disponível também em e-book)

 

Esta obra é composta por diálogos entre Leonardo Pinto de Almeida e Juan Carlos Gorlier e ensaios de Leonardo Pinto de Almeida.

 

Segundo Eduardo Huarag, "o livro se apresenta como um cerco à criação e à crítica literária. A sua originalidade está na forma como se realiza esse cerco, o que alguns chamam de 'incisões', ou melhor, um processo permeado de reflexões e até de interpretações. Certamente, a própria criação pode ser entendida como o ato mágico no qual um fato imaginário ou uma sensação emocional (ou ambas ao mesmo tempo) se traduzem em expressão verbal e passam à condição de "mensagem esteticamente transcendente".

 

Vídeo: Leonardo de Almeida fala sobre "Criação em processo"

Vídeo: Leonardo de Almeida fala sobre

 

Ele destaca a originalidade do texto e a opção dos autores por fazer comentários ou reflexões sobre afirmações de Blanchot, Nietzsche, Barthes, Deleuze. "E, mais do que comentários, o que eles fazem é dialogar com os conceitos de autores consagrados, mas também, é claro, aportando seus pontos de vista. Mas vão mais longe, porque, a partir de certas frases ou conceitos, aventuram-se na criação por meio da versificação. Isso significa lidar com um tipo de expressão que estaria sujeita às características da lírica, que geralmente é uma comunicação condensada e que recorre com frequência à metáfora. Por exemplo, pode-se apreciar que, a partir de uma citação de Milan Kundera, eles versificam: 'Verter palavras / sem invertê-las / Capturar ideias / sem transformá-las / Localizar semanticamente / sequências, / raciocínios / mas criar com eles / outra coisa'."

 

"Trata-se, portanto, de colocar em prática essa aproximação que deve ser produzida entre o criador, a obra e o leitor. Se quisermos refletir sobre a criação, seria melhor nos colocarmos no próprio processo de criação. Essa é a peculiaridade do texto que aqui se propõe. Finalmente, a criação é um ato mágico, muitas vezes inexplicável. Talvez por isso, Leonardo da Vinci disse que o artista é um simples intermediário de algo que lhe fala, que lhe diz o que se deve transmitir", conclui.

Autor(es):
Leonardo Pinto de Almeida, Juan Carlos Gorlier
Dimensões:
23,0cm x 16,0cm x 0,0cm
Páginas:
120
Acabamento:
Brochura
ISBN:
978-65-5831-161-4
Código:
978-65-5831-161-4
Edição:
Data de Edição:
15/12/2022
Data de Lançamento:
02/05/2023
Idioma:
Português
Peso:
210
  • Informações do produto Seta - Abrir

    (Disponível também em e-book)

     

    Esta obra é composta por diálogos entre Leonardo Pinto de Almeida e Juan Carlos Gorlier e ensaios de Leonardo Pinto de Almeida.

     

    Segundo Eduardo Huarag, "o livro se apresenta como um cerco à criação e à crítica literária. A sua originalidade está na forma como se realiza esse cerco, o que alguns chamam de 'incisões', ou melhor, um processo permeado de reflexões e até de interpretações. Certamente, a própria criação pode ser entendida como o ato mágico no qual um fato imaginário ou uma sensação emocional (ou ambas ao mesmo tempo) se traduzem em expressão verbal e passam à condição de "mensagem esteticamente transcendente".

     

    Vídeo: Leonardo de Almeida fala sobre "Criação em processo"

    Vídeo: Leonardo de Almeida fala sobre

     

    Ele destaca a originalidade do texto e a opção dos autores por fazer comentários ou reflexões sobre afirmações de Blanchot, Nietzsche, Barthes, Deleuze. "E, mais do que comentários, o que eles fazem é dialogar com os conceitos de autores consagrados, mas também, é claro, aportando seus pontos de vista. Mas vão mais longe, porque, a partir de certas frases ou conceitos, aventuram-se na criação por meio da versificação. Isso significa lidar com um tipo de expressão que estaria sujeita às características da lírica, que geralmente é uma comunicação condensada e que recorre com frequência à metáfora. Por exemplo, pode-se apreciar que, a partir de uma citação de Milan Kundera, eles versificam: 'Verter palavras / sem invertê-las / Capturar ideias / sem transformá-las / Localizar semanticamente / sequências, / raciocínios / mas criar com eles / outra coisa'."

     

    "Trata-se, portanto, de colocar em prática essa aproximação que deve ser produzida entre o criador, a obra e o leitor. Se quisermos refletir sobre a criação, seria melhor nos colocarmos no próprio processo de criação. Essa é a peculiaridade do texto que aqui se propõe. Finalmente, a criação é um ato mágico, muitas vezes inexplicável. Talvez por isso, Leonardo da Vinci disse que o artista é um simples intermediário de algo que lhe fala, que lhe diz o que se deve transmitir", conclui.

  • Especificações Seta - Abrir
    Autor(es):
    Leonardo Pinto de Almeida, Juan Carlos Gorlier
    Dimensões:
    23,0cm x 16,0cm x 0,0cm
    Páginas:
    120
    Acabamento:
    Brochura
    ISBN:
    978-65-5831-161-4
    Código:
    978-65-5831-161-4
    Edição:
    Data de Edição:
    15/12/2022
    Data de Lançamento:
    02/05/2023
    Idioma:
    Português
    Peso:
    210